Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

horas extra

Blog de escrita nas horas extra dos dias

horas extra

Blog de escrita nas horas extra dos dias

# Da contabilidade da violência nas escolas

256b31e2849e016b9c9190cebdad6602.jpg

Foto in Pinterest

No Blog "Comregras" conhecido na comunidade docente, a par do Blog de Arlindo, há agora, infelizmente, um contador de casos de violência, 24 até ontem. 

Ao contrário do caso do professor de Informática, que numa escola das avenidas novas de Lisboa, perdeu a cabeça numa turma de classe média alta, mas  sem regras, foi detido, suspenso de funções e repreendido publicamente pelo Ministério da Educação, nestes 24 casos, não houve qualquer reação por parte de nenhum membro do Governo.

Ontem uma professora grávida foi agredida de forma vil , em plena sala de aula , numa escola de primeiro ciclo, em Lisboa, pela mãe de um aluno.

É abjeto, inadmissível, o silêncio perante um caso gravíssimo. Onde está a detenção imediata desta mãe? Quando será presente a um juiz? Quando ficará de pulseira eletrónica ou em preventiva? Quando haverá mão firme da Justiça e por parte do Ministro da Educação? 

O Sr. Presidente da República já apurou factos , deu apoio, como noutras situações?

Recentemente, veio a público a notícia da morte de um professor após a agressão de um aluno em plena sala de aula. Foi em Inglaterra. 

Quantos professores desistirão de dar aulas por casos destes? 

A minha homenagem sentida a todos os professores e funcionários alvo de agressão em escolas em Portugal. O meu sincero desejo para que a minha colega ,que ontem foi agredida barbaramente, esteja bem , assim como aquele que transporta no ventre.

@mmalheiro

 

 

publicado às 19:20

# Da vida numa bolha- a Educação ( feat. Madness)

há dias assim: de manhã leio um artigo de um padre em picardia com um secretário de Estado, à hora de almoço cai no meu email um blog novo de um professor, de carreira feita, provavelmente num escalão aceitável para viver tranquilamente e que subitamente se cansou de tudo e meteu Licença sem Vencimento de Longa Duração. O que este professor escreve é demonstrativo da absoluta verdade, fora de uma bolha que querem parecer aos outros "perfeita", a da Educação. Se os relatórios da OCDE e do CNE revelam aquilo que já se sabe, que há uma classe docente envelhecida e cansada, sem renovação de quadros, com candidatos a docentes de carreira com vinte anos de serviço, no lado da "bolha educativa" há a visão fantástica de disciplinas de projeto de cidadania, de dispensa de três horas aos funcionários públicos no primeiro dia de aulas dos filhos, de passes familiares em autocarros com menos cadeiras ou comboios a abarrotar de gente, de uma escolaridade obrigatória menos exigente, sujeita a domínios de aprendizagens essenciais, em que o acesso à informação é totalmente "simplex" nada "complicadex" -com algum interesse  como há 25 anos atrás -quando se tinha de pesquisar mesmo  para aprender. Que geração será esta no futuro? uma geração em que lhes é transmitido que tudo é fácil,  que não é necessário grande empenho para transitar de ano, em que o respeito pelo outro- professor, pais, funcionários, qualquer um- é algo tão mínimo e relativo que se dissipa pelo tempo. lembro-me da minha professora de História do 12º ano nos ter dado ,no ínicio do primeiro período, três páginas de bibliografia para pesquisarmos e estudarmos. pensámos na altura que era uma megera insana. no primeiro ano da Faculdade e seguintes a história era igual. É questionável, então, se há tempo por parte do aluno para a aquisição plena dos conhecimentos e para uma perspetiva crítica sobre os mesmos ou se serão mais importantes os papagaios de papel que se lançam numa praia, em prol de um projeto de escola. 

Fica aqui ,para seguir , o Blog https://lsvld.blogspot.com/.

Música dos Madness- all rights reserved to Madness.

 

@mmalheiro

 

publicado às 12:27

Mais sobre mim

imagem de perfil

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Facebook